Primeira compra? Ganhe R$20 OFF com o cupom PRIMEIRACOMPRA

Frete grátis nas compras acima de R$249

A primeira troca é grátis

Blog Emma Fiorezi

Quarto montessoriano: o estilo que incentiva o desenvolvimento da criança

O método Montessori já é popular entre os profissionais da área de educação infantil há bastante tempo, mas nos últimos anos também vem aparecendo cada vez mais no meio arquitetônico. A partir dos estudos realizados pela médica e pedagoga italiana, Maria Montessori, os princípios do método foram aplicados em forma de estilo na arquitetura.

A teoria de Montessori acredita que uma criança pode aprender e desenvolver sua autonomia se estiver diante de um ambiente com as condições corretas. O estudo prioriza o respeito pelo desenvolvimento natural das habilidades físicas, sociais e psicológicas. Por isso, a ideia do quarto montessoriano é levar em conta as necessidades dos pequenos para criar um espaço totalmente adaptado que os dê liberdade e ofereça diferentes estímulos.

Entre diversas possibilidades, algumas características principais costumam se destacar nos quartos que seguem o estilo montessoriano. Neste artigo, separamos quatro delas para você entender melhor como o conceito criado por Maria Montessori é aplicado ao espaço e como isso ajuda no desenvolvimento da criança. Inspire-se!

Cama no chão

A substituição do berço por uma cama baixinha com o colchão no chão, também conhecida como cama montessoriana, é a particularidade mais famosa desse tipo de quarto. A ideia é que a criança ganhe independência para levantar ou deitar sem precisar do auxílio de um adulto, desenvolvendo, assim, novas habilidades. Quando ela começar a andar, pode descer da cama facilmente e ir brincar sem precisar chamar alguém para tirá-la de lá.

A altura da cama já garante menor perigo de acidentes, mas adicionar um protetor lateral é uma ótima opção para evitar quedas durante o sono. Além disso, o uso de almofadas, futons, tapetes e tatames de borracha em volta  da cama ajuda a deixar tudo mais macio e sem contato com o chão gelado.

Cores, estampas e texturas

quarto montessorianoContar com esse trio presente no quarto é essencial para estimular o aprendizado da criança. No estilo Montessoriano, o indicado é que tenha uma variedade de cores para que ela aprenda a diferenciá-las. Os tons podem aparecer tanto nas paredes quanto nos detalhes, como itens de decoração e móveis.

Adesivos, papéis de parede e roupas de cama são ótimas opções para incluir estampas no quarto dos pequenos. O mercado está cheio de estampas lúdicas, com desenhos e personagens que chamam a atenção do olhar infantil e ainda despertam a imaginação.

As texturas oferecem experiências sensoriais às crianças, por isso são tão importantes. Os tapetes, além de decorar e minimizar o toque frio do piso, contam com muitas possibilidades de texturas. Capas de almofadas também são válidas para explorar os múltiplos toques.

Móveis adaptados

Assim como a altura da cama é acessível para a criança, os móveis também devem ser. Estantes, armários e nichos na altura dela faz com que o acesso a brinquedos, livros e roupas seja possível sem ter que pedir ajuda para um adulto. Assim, a autonomia é desenvolvida, seja para pegar e guardar os objetos, fazer uma escolha ou entender suas vontades.

Aqui, outro ponto importante do quarto montessoriano deve ser levado em consideração: a segurança. O ideal é que os móveis não possuam quinas ou detalhes com pontas, mas também é possível colocar protetor de cantos caso já tenha a mobília. Planeje também a disposição dos móveis com o intuito de esconder as tomadas dos pequenos.

 

Peças e brinquedos lúdicos

Essa categoria tem toda ligação com a ideia Montessori, pois os materiais lúdicos incentivam a criatividade e a imaginação das crianças, fazendo com que elas busquem novas ideias e aprendam cada vez mais. Assim como dito no tópico anterior, o ideal é que os objetos estejam de fácil alcance para que os pequenos possam decidir como e quanto vão querer brincar.

Jogos, livros, materiais para desenho e outras atividades lúdicas também contribuem positivamente para o desenvolvimento das crianças, exceto eletrônicos que não são indicados no método Montessori. Caso a quantidade de brinquedos seja grande, a dica é fazer um rodízio entre eles. Assim, haverá sempre uma novidade para a criança e as chances dela se interessar e não enjoar é muito maior.

Para ir além

Neste post, apresentamos quatro aspectos do estilo montessoriano, porém, todo o método Montessori vai muito além disso. Buscar mais sobre os estudos realizados pela médica e pedagoga italiana, Maria Montessori, é de grande valia tanto para entender melhor a ideia do quarto montessoriano quanto para conhecer os ensinamentos pedagógicos que podem ser aplicados na educação infantil.

Veja também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carrinho

Faça parte do nosso clube e receba tudo em primeira mão

Cadastre seu email e receba nossos informativos com novidades e promoções exclusivas para os assinantes

Entrar

Sem cadastro ainda?